Bruce Springsteen: “Não quero saber de tempos mortos aos 70 anos. Estou a contar os dias, tenho coisas para fazer”

Bruce Springsteen voltou à rádio SiriusXM, onde fez uma vez mais de DJ numa rubrica intitulada "Bruce Springsteen - From His Home To Yours". Para além de ter escolhido algumas canções para os ouvintes, Springsteen fez alguns desabafos em relação ao período de isolamento. "A parte mais difícil é não saber o que nos espera o futuro". O "Boss" planeava lançar um novo álbum este ano, com a sua E Street Band, mas a pandemia obrigou ao adiamento de todos os seus compromissos. "Não quero saber de tempos mortos aos 70 anos. Estou a contar os dias, tenho coisas para fazer", explicou o artista. "Ela dizia para viver cada dia como se fosse viver para sempre", recordou as palavras da tia. "Gosto disso. Acho que ela queria dizer para eu encarar cada dia como uma oportunidade para as possibilidades da vida. Para já, a espera é a parte mais difícil".