Não haverá festivais de Verão até 30 de setembro de 2020

Foi aprovado hoje em Conselho de Ministros a proibição de realizar festivais de música até dia 30 de setembro. Desta forma, para os festivaleiros que já tinham bilhete comprado, está prevista a “emissão de um vale de igual valor ao preço do bilhete de ingresso pago”. “Impõe-se a proibição de realização de festivais de música, até 30 de setembro de 2020, e a adoção de um regime de caráter excecional dirigido aos festivais de música que não se possam realizar no lugar, dia ou hora agendados, em virtude da pandemia”. São vários os festivais que estavam marcados para o Verão 2020 e que foram adiados devido ao novo surto do coronavírus, como o Rock In Rio e Nos Primavera Sound. Contudo, com esta decisão do Conselho de Ministros, deverá ser novamente adiado, visto que até 30 de setembro é proibido qualquer espetáculo ou festival. Resta agora esperar para saber se haverá uma nova data este ano ou se os festivaleiros terão de esperar pelo próximo verão. Esta decisão do Governo não é exclusiva de Portugal. Vários países da Europa tomaram medidas neste sentido, levando ao cancelamento de grandes festivais de verão europeus como o Glastonbury, Roskilde, Tomorrowland, Montreux e Womad.